terça-feira, 21 de setembro de 2010

MANCHETE DO DIA: “Meu carro é movido à gasolina, o do Vin Diesel”

"NOS TEMPOS DA BRILHANTINA"

Calças pantalona pode crer ou boca de sino serão ressuscitadas no próximo dia 12 de novembro, a edição 2010, de “Nos Tempos da Brilhantina”, no imponente Espaço de Eventos da OAB. Agenda a data ai, viu my people?! Que demais!

PEREGRINO GOSTOU – De saber que a dupla Maya & Boavista vai lançar mais um CD, no próximo sábado, no Curralzim do Boi. Viva!!
PEREGRINO NÃO GOSTOU – DE saber que Lulinha & Cia estão querendo ressuscitar a famigerada CPMF. Coitado do povo brasileiro!

IMPACTO: “Aquele que vence sua ira, vence um inimigo forte.”


O grande amigo Dom Pedro Cantiflas e a coleguinha Márcia Vieira “Yellow”

JANAÍNA em pose com o coleguinha Arthur Júnior e o velho Reinine Canela (by e bota velho nisso)

O décor number one da city Cézar Costa e Béia

CASTIGO DE MULHER TRAÍDA

SAI DA RETA Iôiô que lá vai cocô! Bafom que a minha confidente fiel com trãnsito livre na high, med e baich society, Chiquinha Bafonilda, me contou e que merece registro. Segundo ela, Rogivando Admilson (by nome fictício) aproveitando que a sua esposa estava em outra cidade ministrando curso, partiu para cima da empregada, uma morenaça de parar o quarteirão do people. Quando eles estavam ali no bem bom, a esposa de Rogivando Admilson chegou inesperadamente em casa e o flagrou na cama com a sua secretária... do lar (by e agoar de cama também, né?). Tomada de tamanha ira diante da cena, a esposa pegou uma arma e arrastou o marido e empregada até a garagem. Chegando lá, prendeu o pênis dele e o seio da empregada numa morsa (prensa), em cima da bancada, apertou até ficar bem preso e retirou a alavanca da morsa. Aí, ela foi no armário de ferramentas, retirou um serrote e colocou na bancada. O marido gritou:
- Querida, você não vai cortar ele, vai???
- Não, benhê. Você é quem vai. Eu só vou botar fogo na garagem!
Virge!!!


TEIAS & COSTURAS

CANALHA – Confesso que não consigo entender aquele Don Juan, com um mulherão daquele em casa e vai para balada em busca de outras. Parafraseando o saudoso Nelson Rodrigues, tem certas figuras que quando não são canalhas na véspera, são canalhas no day after. Saída pela esquerda!

HOMEM – Depois que este colunista brega, chique, cultural, caliente e etecetera e tal colocou um ponto final na relação com a tribufu da Ricarda confesso que fiquei igual televisão velha, ou seja, totalmente sem controle. Te cuida gostosona da Nilza!

BLÁ blá blá abobrístico feito dia desses aí pelo competente fotografo e filosofo nas horas vagas Jailson Alencar e que merece registro: “Karoba, se os bêbados estivessem no poder, teríamos tudo em dobro ou tudo pela metade”. Blam!!

SHOPPING – por falar em gostosona da Nilza, final de semana ela soprou velinhas e colheu rosas no jardim da primavera. De presente fui com ela fazer compras no shoppis do marão e no shoppis chique. Como não poderia deixar de ser, um sofrimento dos diachos, não é mesmo? Pasme, people, a Nilza brigou com o Peregras porque não estava com uma cara de muitos amigo(a)s. Foi então que eu disse a ela: “Nilza, se eu já topei ir contigo ao shopping, se entrei contigo na loja e esperei você provar cinco pares de sapatos, por que ainda teria que ficar sorrindo?! Tenha dó!”

TPM – Manhã dessas aí, ali nas proximidades do viaduto Manoel Emiliano, conferi Rosicleide Simone (by nome fictício) totalmente descontrolada e cobrindo o osso no maridão. Dizendo ela que estava naquela fase aguda da TPM (by Totalmente Pirada e Maluca). Dorme com barulho deste, mulheres dizem sofrer com TPM… Sofrem nada! É muito pior para quem fica do lado delas! Saída pela esquerda!

BURGUERIA – A dinâmica empresária Cíntia Corby anunciando para o final deste mês, no Shoppis Ibituruna, a primeira “burgueria” da terra de Figueira. Maravilha!


MUSAS DO KAROBA

TOTALMENTE demais a gatíssima RENATA RAMOS


A VIDA COMO ELA NÃO É

GASES

BOM - Desconfiada que está grávida, a mulher vai ao médico.

RUIM - Ele a examina minuciosamente e conclui:
- O que a senhora tem são gases! Tome esses remedinhos aqui, que vai melhorar.

PIOR - Um mês depois, sentindo a barriga crescer, ela volta ao médico:
— Doutor, minha barriga não pára de crescer!
— Minha senhora, o seu problema é acúmulo de gases. Dobre a dose do medicamento e evite alimentos fortes.

PIOR AINDA - Mais um mês se passa e a história se repete:
— Gases!
A mulher fica danada e não volta mais ao consultório do médico.

TRAGÉDIA - Cinco anos depois, ela está numa praça com uma criança, quando passa pelo local o tal médico. Ele a cumprimenta e pergunta:
— Quem é essa criança linda? É seu filho?
— Não senhor... — responde a mulher com cara de irritada — Não tá vendo que é um peido vestido de marinheiro?


FOTORISO




RAPIDINHA & CRETININHA

Naquela segunda-feira, os alunos entregam a redação que a professora havia encomendado no final de semana. Todo mundo entrega uma folhinha ou no máximo duas, somente o Joãozinho aparece com um calhamaço de papel encadernado.
— O que é isso, Joãozinho? — pergunta a professora.
— É a minha redação professora!
Cheia de curiosidade, a professora toma aquele enorme volume na mão. Abre a primeira página e lê: "A Grande Cavalgada". Vira a segunda: "Cataplóc, Cataplóc, Cataplóc" e na terceira: "Cataplóc, Cataplóc, Cataplóc" e na quarta: "Cataplóc, Cataplóc, Cataplóc". E assim sucessivamente, ela vai lendo uma a uma, as páginas do livro e em todas as mesmas palavras "Cataplóc, Cataplóc, Cataplóc".
Até que ela chega à última página "Cataplóc, Cataplóc, Cataplóc... ôôôôôôôôôaaaaa".


CHARGE DO DIA




ABRAÇOS

FINALIZANDO A COLUNA desta terça-feira, abraços para Maria Lúcia Becattini Miranda, Lúcio Amaral, Sheila Cristina Tolentino Barbosa, Lionel Richie, Antônio Carvalho, Mara Narciso, Márcia & Oswaldo de Morais, Delson Júnior, Ellen Page e Geraldo Gunda. Quarta-feira tem mais. Bye!


QUEM LÊ A COLUNA

O casal CARLOS & JAQUELINE ANDRADE é leitor assíduo da coluna e karobano de carteirinha. Presença garantida “Nos Tempos da Brilhantina, dia 12 de no novembro, no salão de festas da OAB. Maravilha!!


GRAN FINALE

“Um pouco de sinceridade é um perigo; muita sinceridade é absolutamente fatal.”