segunda-feira, 26 de abril de 2010

RAPIDINHA & CRETININHA


O tonto entrou no bar pela décima vez no dia e pediu uma cachaça. O dono, português, já não agüentando mais, porem não podendo perder a freguesia, pegou o primeiro copo que viu (sujo, certamente) e foi servir ao bebum. Assim que começou a despejar a caninha, percebeu que no copo tinha uma barata. Não se importou e mandou ver (talvez o tonto desse sossego pra ele depois desta).
O sujeito pegou o copo e tomou a bebida de uma vez. Quando ainda estava descendo pela goela, percebeu alguma coisa diferente na boca. Deu uma parada, uma mordida, sentiu o gostinho meio amargo e engoliu tudo de vez.
Depois que fez a cara feia, virou pro português e gritou:
— Bota outra aí! E capricha na ameixa, viu!

Nenhum comentário:

Postar um comentário