quarta-feira, 17 de março de 2010

VOVOZÃO PIROU NA BATATINHA E RESOLVEU TIRAR ONDA DE ADÃO


PELO AMOR DOS meus filhinhos! Genteim, fuxiquê da pesada que a minha confidente fiel e com trânsito livre na high, med e baich society, Chiquinha Bafonilda, me contou e que merece registro. Segundo ela, vovô Sandrelino (by nome fictício) foi convidado para uma festinha prafrentex night dessas aí. Como não poderia deixar de ser, o menu era só rabos de galo e outras misturebas afins. Nestas festinhas tem sempre um gaiato para sacanear e o eleito para suas brincadeirinhas foi o vovô Sandrelino que recebeu um copo de bebida. Vovô Sandrelino não pensou duas vezes, pegou o copo e virou de uma vez. O efeito foi imediato para o vovô pirar o cabeção e viajar na babatinha, soltando as frangas dicumforça. É people, o moço não quis nem saber quem pintou o sete, estava querendo era o resto da tinta. Saiu grudando e beijando todas as gatinhas que aparecia na reta. De repente, não mais que de repente, foi para o meio do salão e ao som de Je t’aime mon on plus foi tirando peça por peça das suas roupas. Quando estava a la Adão, vovô Sandrelino o efeito do birinaite passou de uma vez e ele caiu em si e se viu naquela situação constrangedora. Resumo da ópera, o vovô vestiu a roupa e saiu do lugar mais rápido que um peido, entrou seu fuscão 69 e foi para casa. È lógico que no Day after a sua cabeça parecia que tinha um sino dentro e ele não se lembrava do ocorrida na night anterior.
Abafa o caso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário