quarta-feira, 17 de março de 2010

A VIDA COMO ELA NÃO É...

VIAGRA NO LANCHE

RUIM - Uma velhinha vai ao médico pedindo para que ele ajude a revigorar o apetite sexual de seu marido para reviver os bons e velhos tempos.

PÉSSIMO - Que tal se tentarmos o Viagra? — arrisca o médico.
— Ah, não tem jeito, doutor... Meu marido não toma nem Aspirina para dor de cabeça.

BOM - Não tem problema! — retruca ele — Misture o Viagra no lanche que ele mais gosta, sem que ele perceba e volte daqui a uma semana para me contar como foi.

PIOR - Na semana seguinte, a velhinha volta ao médico dizendo:
- Ai, doutor! Foi horrível! Foi horrível!
- Mas o que aconteceu? — pergunta ele, assustado — A senhora seguiu minhas instruções?
— Sim, doutor... Fiz tudo como o senhor disse, misturei o Viagra no lanche sem que ele soubesse... Mas, doutor, o efeito desse negócio é muito rápido! – disse assustada.

PIOR AINDA – A velhinha continuou relatando: - No meio do lanche ele já levantou da cadeira, me jogou em cima da mesa, tirou minha roupa e transou comigo loucamente... Mas foi horrível, doutor... Horrível...

TRAGÉDIA - Mas por que foi horrível? — insiste o médico — O sexo não foi bom?
- Foi o melhor sexo que já tivemos em 35 anos, doutor...
- Então qual o problema, minha senhora?
- Ai, doutor... Depois dessa acho que nunca mais vou ter cara pra passar nem na porta do Café Galo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário