quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

DIVÃ DO KAROBA


OS 10 MANDAMENTOS DOS TOLEMADOS

NA SEÇÃO DESTA quinta-feira, o Peregras de guerra apresenta um dos estudos mais aguardados do new milênio, Os Dez Mandamentos do Tolemado Moderno”. Confira:


1º - Ser expert em música - Todo tolemado dos nossos dias é crítico de música. Perante os seus conhecimentos e bom-gosto os demais têm uma de duas opções: ou concordam, ou … concordam. O tolemado sabe pouquíssimo do tema, mas tem a autoridade de quem vai aos concertos da paróquia e aos bailes de Verão. Ou seja, acima de qualquer dúvida.

2º - Não ter hábitos de leitura – Na era da revolução cibernética e digital, o livro é um “objecto” antiquado. Prefere o computador e rastrear sites. O que tem uma justificação inteligente e arejada: os livros são feitos de papel, o papel é feito de árvores; logo, quem não lê é ecologista.

3º - Ser vegetariano – Diz-se vegetariano. Por isso, “morfa” enchidos, presunto, entrecosto, toucinho. Porque (na lógica irrebatível do seu raciocínio) o porco é um animal que se alimenta de vegetais, e, em consequência, quem come carne de porco é, por acréscimo, vegetariano.

4º - Estar na moda – Usa óculos com lentes enormes apenas porque um jogador da bola assim apareceu numa conferência de imprensa. O corte de cabelo parece ter sido feito à lapada: porque o modelo é pré-histórico e isso significa cultura. As marcas são um «must»: por isso, usa mais marcas que os pilotos de fórmula 1. Com uma diferença: os pilotos recebem para as usar, os idiotas pagam por isso.

5º - Ser zen – É o zénite da tolemadice moderna. Embora não saiba o que isso significa. Mas fica bem no discurso e dá ares de intelectual.

6º - Cultivar o corpo – O ginásio é uma segunda casa. Pneus e celulite são vocábulos ofensivos. Mas, curiosamente, embora os tolemados façam ginástica, já não praticam desporto. Ou seja, nos nossos dias o suor é um produto às avessas: os tolemados pagam para sofrer e suar.

7º - Ser expert em cinema - Dentro do tolemado habitam spielbergs, fellinis, bergmans, oliveiras… Os sujeitos acreditam ser autênticos oráculos da sétima arte. Acreditam estar sempre um passo à frente e ter conhecimentos que os outros nem sonham.

8º - Ser cosmopolita - O tolemado moderno tem de fazer férias no estrangeiro. Gosta de usar expressões em língua estranha: «travelling abroad»; «bad boy»; «madame»; «chérie», «guapo» e outras coisas parecidas. Acontece é que um tolemado em português será sempre tolemado… qualquer que seja a língua utilizada - mas ele ainda não o descobriu …

9º - Frequentar lugares da moda - Os itolemados só vão aos lugares «in». De preferência, locais com música bem alta. Assim, ninguém percebe que nada têm para dizer.

10º - Odiar política - É o maior mandamento para os tolemados modernos. E todos têm um argumento irrefutável: “Os políticos são todos iguais, por isso nada muda”. Acontece é que eles nem sequer sonham que é por causa dessa forma de pensar que nada muda mesmo, e que os políticos são mesmo iguais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário